Subversa

Outras Horas | Um Lírio sobre os Olhos

Nota prévia: O poema de hoje da coluna do autor Pedro Belo Clara integra o livro Quando as manhãs eram flor, que será lançado no próximo dia 22 de janeiro em Lisboa.

 

Mais informações:

Lançamento de “Quando as manhãs eram flor”, de Pedro Belo Clara
Dia 22 de janeiro, das 16h00 às 17h00

Chiado Clube Literário e Bar (Tivoli Forum, n.º 180 – Lisboa)


Um frémito solar nas pálpebras:
o bater das asas desse pássaro
que bebe em arroios de luz.

Uma embriaguez azul
desfazia os corpos em pétalas
nos volteios daquelas horas
sem vestígio de tempo.
Como reter o aquoso reflexo
das águas em prata, se os olhos
eram globos de fogo nu?

Flores brancas e amarelas
escorriam por teus cabelos,
acentuadas encostas, tombando
de lisas espáduas antes de serem
pedras sem abrigo para o sol.

Os dedos não acalentavam ânsia
que os lábios não soubessem calar,
e no peito rumores de eternidade
urdiam um poema sem palavra.

………..É gentil a terra que nos recebe,
………..e tão íntimos que somos do céu.
………..Serão estes sopros canções,
………..celebrando dois rios
………..querendo-se num só mar?

Ter a manhã nas mãos
é embalar a doçura dum néctar
que só as estações turvam.

Quem apagou a virginal
cintilação do orvalho,
pérola semeada no primeiro
verdor das folhas?


PEDRO BELO CLARA é de Lisboa, Portugal. É autor das obras “A Jornada da Loucura” (2010), “Nova Era” (2011), “Palavras de Luz” (2012), “O velho sábio das montanhas” (2013) e Cristal (2015). Além de prelector de sessões literárias, é actualmente colaborador e colunista de publicações literárias. Outros trabalhos seus poderão ser encontrados no seu blogue pessoal, “Recortes do Real” (crónicas diversas) | https://www.facebook.com/pbeloclara/ | ler MAIS TEXTOS do autor.

Marcado com:

Sobre o Autor

4 Comentários

  1. Pedro marques 21 de janeiro de 2017 em 11:07

    Tenho a honra de ter já um exemplar do livro “Quando as manhãs eram flor”, oferecido pelo meu amigo Pedro Belo Clara. Livro que li e reli e me deixou maravilhado. E estou certo de que ele terá muito sucesso.
    Parabéns!

    • Pedro BC 21 de janeiro de 2017 em 17:05

      Muito obrigado pelas suas amáveis palavras, meu caro amigo… Nunca é demais sublinhar a minha gratidão. Foi com um enorme agrado que soube este meu novo livro capaz de lhe proporcionar diversos momentos de boa leitura.
      Um forte abraço.

  2. Susana 24 de fevereiro de 2017 em 10:35

    Belo o contorno que abraça o poema Pedro, parabéns!

    • Pedro Belo 28 de fevereiro de 2017 em 20:34

      Muito obrigado pelo comentário, Susana.
      Um abraço poético.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367