Subversa

três | Fabíola Weykamp


Para Thamires Araújo

há semanas a enxaqueca a acompanha

e toda vez que lembra, porque

há um momento de dor

em que se acostuma à dor e ela só dói quando lembra,

e, toda vez que lembra,

masca logo de cara três bolinhas de chicletes

e masca como se estivesse em um concurso

televisionado de mascar chicletes de bolinhas

masca ao tomar banho com a ferocidade que só

as disputas por primeiro lugar afagam o ego

cozinha mascando chicletes de bolinhas

anda com o pote de chicletes no bolso

viciada talvez recém-saída da reabilitação em competir

precisa mascar com raiva para produzir

movimento ondas calor serotonina

sinapses que só acontecem quando liga a tevê e

masca chicletes de bolinhas, três de uma vez

porque disse, certa tarde no terapeuta, estar em um triângulo amoroso

onde todas as partes contribuíam com um pouco

uma bolinha de si para o outro

mas nenhuma das três partes sabiam que estavam em um triângulo amoroso

como não sabemos a localização exata do triângulo das bermudas

quando vestimos calças e escondemos as canelas peludas do frio

do sal do mar que arde pernas depiladas e virilhas escuras expostas

fujam da praia depois de depilar as axilas


Editora Convidada e Colunista pela Revista Subversa, dois livros publicados.

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367