Subversa

“RECORTE DE JORNAL” e “FRAGMENTOS” | Aderbal Bastos Barroso

 

RECORTE DE JORNAL

 

Céu aberto com pancadas

de chuva

e fuga em massa da prisão.

Na sessão variedades

emoções à flor da pele

para quem sofre de solidão.

O sul tem safra recorde

de uva,

nasce bovino Bucéfalo.

Silêncio total nas cidades

pois este ano não teremos

o Carnaval.

Número onze. Deu cavalo,

é a vida em um simples recorte

de jornal.


 

FRAGMENTOS 

 

 

Eu nasci

palavra escrita, ouvindo poesia

e cantiga de roda,

em uma noite de lua sextante

a mergulhar no remanso do rio,

o meu paraíso prosaico.

 

Cheguei ao mundo

em uma sexta-feira morna,

fim de tarde já quase ao anoitecer

que se despedia da lua minguante

e que acenava pela lua nova

a três dias do ano novo judaico.

 

Cresci tomando sopa de letras

e alimentando os meus sonhos

entre livros e um cantar atávico.

 

O que eu sou hoje

deixo  pelos caminhos,

fragmentos, desse meu mundo mágico.


Aderbal Bastos Barroso (Betinho de Celina) | Aracaju, Brasil |Nascido às margens do Velho Chico em Neópolis/SE. É autor de: “No Remanso do Rio” (2014); “À Sombra dos Oitizeiros” (2017); “Agridoce Melaço de Cana e Jabuticabas Maduras” (2018); “Carvão Aceso” (2019) e “A Casa que só tinha janelas”. Ed. J. Andrade, Aracaju/SE, 2021.

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367