Subversa

Pressentimento | Marina Kirst


O bramido mecânico dos entregadores

atravessando em rompante

labirintos, faróis e pseudorumos

da cidade desértica que paira – flutuante.

 

E a distância tão próxima

dos motoristas que me conduzem…

Hesitantes viagens de silêncio

abafado em panos.

 

Dizem que janeiro

trará o fim do mundo. Senti-lo por inteiro

seria sofrer uma dor sem fundo.

 

O teu olhar tão triste, úmido

bruxuleia sob o meu escudo.

 

E os meus dias contados

são o tempo entreposto de incertos passos

ante o mais estremado mergulho.

 

Resfólego o ar

dos suspiros que me circundam.

Assim pressinto tudo.


Marina Kirst | Porto Alegre, Brasil | marina.kirst@hotmail.com

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367